Entrar

Deputado vaiado por não se levantar no louvor a Guterres

Parlamentar do Bloco de Esquerda foi imediatamente colocado fora da Assembleia.

A notícia de que António Guterres foi confirmado como o próximo Secretário-Geral da ONU, foi recebida no parlamento português de uma forma bastante efusiva. Quando a Assembleia da República recebeu a notícia, na passada quinta-feira, todos os deputados se ergueram imediatamente e aplaudiram de pé a notícia que chegou de Nova Iorque.

A excepção foi Jorge Falcato, o que levou à indignação de vários parlamentares, que começaram a apupar o colega do Bloco de Esquerda.

Revoltados ficaram também os funcionários da Assembleia da República. Lizete Ângelo, secretária do assessor de imprensa do adjunto do ajudante do chefe-de-gabinete do assistente de um deputado, fala mesmo em «traição à pátria», em declarações exclusivas para O Esbulhador, explicando que «depois do sucedido, foi necessário evacuar aquele indigno parlamentar do Plenário».

O nosso jornal tentou entrar em contacto com o envolvido para tentar compreender o sucedido, mas tal não foi possível, devido a não sabermos o número.

Comentários via Facebook

Deixe um comentário

Formulário de comentários para utilizadores registados e não registados. Campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios. O email fornecido não será publicado. A submissão de comentários implica a aceitação dos termos e condições do site. Os comentários publicados vinculam apenas a pessoa que os emitiu.

Céu limpo

16°C

Lisboa

Céu limpo

Humidade: 50%

Vento: 11.27 km/h

  • Dia soalheiro
    18 Nov 2017 20°C 6°C
  • Dia soalheiro
    19 Nov 2017 20°C 10°C