Entrar

Advogado de defesa interpõe recurso por discordar de condenação leve

Advogado de defesa interpõe recurso por discordar de condenação leve i k o (CC BY-NC-SA 2.0)

Homem foi condenado a 18 anos de cadeia, mas o seu advogado preferia 20.

Vladimir Nabinski, o imigrante russo que em Agosto de 2012 matou o seu próprio patrão, foi condenado a 18 anos de prisão. A decisão, porém, está longe de ser consensual.

Enquanto o Ministério Público se mostra satisfeito, já o seu próprio advogado declara-se indignado. Para o Doutor Margarido Celeuma, causídico encarregado de defender Nabinski, a pena foi «ultrajantemente leve».

«Este tipo de crimes, resultantes de um comportamento intolerável, não podem de forma alguma ser admitidos, pelo que irei apresentar nas próximas semanas um recurso.», disse o advogado.

A tese de Celeuma, no entanto, ja ganhou adeptos entre os seus colegas.

Ainda recentemente, a condenação de um cidadão brasileiro a 21 anos de prisão pelo assassinato da mulher numa clínica dentária, levou a que a sua advogada de defesa se manifestasse igualmente satisfeita, afirmando inclusivamente que pensava que a pena seria «um bocadinho mais» elevada.

O Esbulhador ainda tentou entrar em contacto com Vladimir Nabinski, mas ninguém na redacção falava croata.

Comentários via Facebook

Deixe um comentário

Formulário de comentários para utilizadores registados e não registados. Campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios. O email fornecido não será publicado. A submissão de comentários implica a aceitação dos termos e condições do site. Os comentários publicados vinculam apenas a pessoa que os emitiu.

Céu limpo

12°C

Lisboa

Céu limpo

Humidade: 87%

Vento: 28.97 km/h

  • Dia soalheiro
    19 Jan 2018 16°C 10°C
  • Parcialmente nublado
    20 Jan 2018 14°C 7°C