Entrar

Europa acusa Tailândia e Indonésia de falta de solidariedade humanitária ao recusarem receber refugiados

Europa acusa Tailândia e Indonésia de falta de solidariedade humanitária ao recusarem receber refugiados manhhai - https://www.flickr.com/photos/13476480@N07/ (CC BY 2.0)

Milhares de refugiados têm tentado escapar por mar a guerras e ditaduras no sudeste asiático, mas países de destino recusam ajudar.

Os responsáveis políticos europeus, reunidos hoje em Bruxelas, acusaram a Tailândia e a Indonésia de falta de solidariedade humantária, considerando escandaloso que estes países recusem ajudar os milhares de refugiados que, por mar, tentam fugir de países em guerra e/ou ditaduras, como Mianmar e Bangladesh.

"É um escândalo, estes países recusarem reconhecer esta situação de crise humanitária. Estas pessoas estão tão desesperadas que dão a sua vida por uma hipótese - muitas vezes remota - de sobreviverem à travessia marítima até aos países de destino, na esperança de poder vir a ter uma vida melhor. Isto não é algo que possamos admitir, e vai contra todos os nossos princípios, pelo que exigimos que a ONU faça alguma coisa!", diz-nos Alfred Liljeberg, porta-voz para as situações humanitárias, da União Europeia.

Comentários via Facebook

Deixe um comentário

Formulário de comentários para utilizadores registados e não registados. Campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios. O email fornecido não será publicado. A submissão de comentários implica a aceitação dos termos e condições do site. Os comentários publicados vinculam apenas a pessoa que os emitiu.

Céu parcialmente limpo

5°C

Lisboa

Céu parcialmente limpo

Humidade: 100%

Vento: 1.61 km/h

  • Parcialmente nublado
    03 Jan 2019 9°C 3°C
  • Parcialmente nublado
    04 Jan 2019 11°C 5°C